Franca, 23 de abril de 2014         
 
     Notícias
 

Polícia de Franca vai a Minas a procura de eletricista
Franca Noticias

Policiais de Franca, ligados a Delegacia de Investigações Gerais (DIG), estarão nesta quinta-feira (25), na cidade de São Tomaz de Aquino, mas precisamente na fazenda onde foi encontrado o carro do eletricista Eduardo Lonardi, desaparecido a 36 dias.

O carro estava em meio a um canavial a aproximadamente 18 quilômetros de distância da cidade mineira. Os policiais da DIG estarão realizando uma varredura na fazenda e em locais próximos, alem de manterem contato com policiais e moradores das imediações, em busca de informações sobre o francano Eduardo.

O carro do eletricista foi localizado queimado, no interior do veículo, pedaços de documentos e parte de um telefone celular foram encontrados. Nem um sinal de Eduardo foi localizado.

Mistério e descaso

O mistério sobre o desaparecimento do eletricista embarra no descaso que a família vem enfrentando. O carro de Eduardo Lonardi foi encontrado por moradores da zona rural no dia 12 deste mês e somente na manhã de terça-feira, os familiares foram comunicados do fato.

Desesperados, o pai do eletricista em companhia de um filho estiveram em São Tomaz de Aquino durante todo o dia de ontem a procura de informações.

Investigação

O caso do desaparecimento de Eduardo Lonardi foi registrado pela Polícia Civil de Franca e continua sendo investigado. Em contato com o delegado da DIG, Márcio Murari na tarde de ontem, o policial disse a reportagem que todas as hipóteses estão sendo analisadas. “Não descartamos nenhuma situação”, disse o policial, que ressaltou que a equipe está trilhando os caminhos do eletricista desde a noite de domingo 17 de março.

A situação do eletricista junto a família também esta sendo analisada com muito cuidado. “Já vimos casos absurdos envolvendo familiares que cometeram crimes, não descartamos nada”, finalizou o delegado.

 

 
 
 
   
   
   
   
   
   
   
   
   
Copyright - Todos direitos reservados - Alsite